Zagueiros titulares do Santos podem estar encaminhando saídas

Zagueiros titulares do Santos podem estar encaminhando saídas

Titulares absolutos da zaga do Santos, Lucas Veríssimo e Gustavo Henrique têm permanência incerta no clube para 2020. Enquanto Lucas Veríssimo é um dos principais atrativos do Santos para aliviar o caixa, Gustavo Henrique segue com situação contratual indefinida.

Lucas Veríssimo

Em entrevista coletiva recente, Verissimo chegou a admitir que pode estar se despedindo do clube após o fim da temporada. Afinal, a diretoria já deixou claro que terá de negociar jogadores na próxima janela de transferência.

“Tivemos uma conversa com o presidente, que ele falou sobre renovar o contrato. Estamos analisando. Clube precisa de fundos, ele fala, e caso não venha de investidor, tem que entrar de alguma maneira. E uma maneira é vender. Ele me vê como bom valor e isso pode ocorrer. Estou à disposição, quero ajudar dentro e fora de campo”, afirmou Lucas Veríssimo.

Vale salientar que o zagueiro conta com vinculo até junho de 2022 com o time da Baixada Santista. Em 2018, o clube chegou a rejeitar propostas de até 10 milhões de euros (cerca de 40 milhões de reais). Lucas Veríssimo está sendo acompanhado por equipes do futebol italiano e deve receber uma proposta nos próximos meses.

Gustavo Henrique

No entanto, a situação de Gustavo Henrique é muito diferente. Isso porque o seu vinculo com o Santos se encerra em janeiro de 2020. Assim, o zagueiro já pode assinar um pré-contrato com qualquer clube do Brasil e do mundo e deixar o Peixe de graça em fevereiro do próximo.

Em entrevista recente, o zagueiro chegou a esfriar a possibilidade de permanência e reafirmou o desejo em atuar no futebol europeu. Já os agentes de Gustavo Henrique não comentam as tratativas para uma possível negociação.

“Esperava a procura pela renovação do contrato, faltavam sete meses e não fui chamado. Creio que estou fazendo um bom ano, um dos melhores, talvez o melhor da minha vida. (…) Meu desejo de jogar na Europa é real e recebi de outros clubes. Estamos nessa, de esperar um pouco mais, sem ter pressa. Vou escolher o que for melhor para mim e para minha família. Se eu ficar, vou continuar trabalhando. Se sair, vai ser de cabeça tranquila. Sei que sempre dei meu melhor”, afirmou Gustavo Henrique.

Planejamento 2020

Até mesmo o treinador argentino Jorge Sampaoli e o superintendente de futebol Paulo Autuori fizeram críticas em relação ao planejamento tomado pelo clube na condução das conversas com o defensor.

“Se os melhores jogadores saírem, e o Santos precisar montar um novo time com essa incapacidade financeira, será uma loteria. Não me vejo capacitado para fazer o que fiz neste ano. Sofreria muito”, disse Sampaoli.

Caso os seus atuais zagueiros titulares sejam negociados, o argentino possui ainda quatro opções no elenco atual: Luiz Felipe, Felipe Aguilar, Luan Peres e Wagner Leonardo. Mas, vale lembrar que o presidente José Carlos Peres declarou publicamente que não deve fazer grandes investimentos para a próxima temporada.

Faça seu registro na Futwin e aproveite nossas incríveis promoções e o bônus de boas-vindas!

Fechar Menu